Teste Teste Teste Teste

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Feira de Funkeiras do Brasil. Tem melancia, melão, maçã, jaca, pera e até filé


do Blog Reporter Icó
http://reporter-ico.blogspot.com/

Mulher Melancia, melão, jaca, filé, maçã, pera, moranguinho, todas você já conhecia. A novidade agora é a Mulher Cereja e a mulher coraçãozinho.
Mulher Melancia, ou Andressa Soares, como preferir, ganhou fama quando era dançarina do Mc Créu. Na “Dança do Créu”, seu bumbum tornou-se conhecido por requebrar até a velocidade cinco. Atualmente, a precursora das mulheres frutas segue carreira solo. Seu mais novo sucesso chama “Três Opções”.

Apesar do Silvio Santos ter suas dúvidas (“É homem ou mulher?”), a Mulher Melão é só sucesso entre a rapaziada. Ela se tornou conhecida após desfilar no carnaval com os melões de fora, depois de colocar 500 ml de silicone. A funkeira afirma que o apelido não é só devido aos seios fartos: “Tem melão em cima e embaixo”. Você, você, você, quer?
Mulher Jaca, ou, simplesmente, a prima da Melancia. Não, isso não é uma brincadeira com as frutas, a Daiane Cristina é mesmo prima da Andressa Soares e também dançou para o Mc Créu. Ela andou sumida, mas foi por causa de uma lipo que fez por estar acima do peso.

Yani de Simone, mais conhecida como a Mulher Filé. Apesar de não se encaixar nas mulheres frutas, ela é a funkeira mais apimentada de todas. A sua última declaração foi dizer que quer fazer sexo em todos os Estados do Brasil. Uma de suas canções diz o seguinte: “Estala, estala, estaladinha; Estala, estala, estaladinha; É o barulho que sai da boca, chupando minha linguinha” (Atenção: essa é a versão não-proibida da canção!)

A Mulher Maçã já dançou para o MC Leozinho, o Movimento Funk Clube e o MC Serginho. Há pouco tempo, ela virou adepta do “Body-Splaning”, uma técnica tailandesa que consiste em fazer os seios crescerem levando tapas na cara. “Dói, um tapinha não dói!”

A nova dançarina do Mc Catra é a Mulher Cereja. Se o nome for associado a alguma parte do corpo, como a Mulher Melão, podemos deduzir que não é lá grande coisa. Ela está arrasando e não vai demorar muito para seguir carreira solo.

Sim, você já viu esta funkeira e não foi em um baile funk. A Mulher Pera se candidatou à deputada federal de São Paulo em 2010, mas só obteve 3136 votos. Ela tem um CD solo e seu novo hit é a música “Catuca”.


A Mulher Moranguinho substituiu a Melancia no grupo do Mc Créu. Antes de virar funkeira, ela fazia strip-tease no programa “O Melhor do Brasil”. Neste ano, ela foi a madrinha da Parada Gay em Mato Grosso. Em uma de suas músicas, ela diz que “homem é tudo igual”. Será?

Outra não-fruta, mas que está estourando nas paradas funk, é a Mc Marcelly, com o funk do “Coraçãozinho”. A canção é direcionada para um público mais jovem, já que a letra não tem sacanagem: “Levanta a mão para o alto e faz o coraçãozinho”. Uma funkeira fofa?

Em “A Fazenda”, Valesca Popozuda conquistou o coração do jogador Dinei. Aqui fora, ela conquistou o coração de muitos fãs de funk. Em uma música sua, ela diz: “Meu nome é Valesca, e o apelido é Quero Dar”. Se ela diz… Homem é que não vai faltar!

Perla é evangélica e, no início da carreria, não se considerava funkeira. Apesar de ter estourado nas paradas com a música “Tremendo Vacilão”, ela nunca tinha ido a um baile funk.

Nenhum comentário:

Postar um comentário